PUBLICIDADE
Notícias

Ossário em Nápoles oferece passeio 'macabro' a turistas

Cemitério delle Fontanelle abriga mais de 8 mil restos mortais

11:28 | 14/02/2017

Considerado o maior ossário da Europa, o Cemitério delle Fontanelle, em Nápoles, oferece um dos passeios mais curiosos e "macabros" da Itália. Imerso no frio úmido dos subterrâneos da cidade, o depósito abriga mais de 8 mil restos mortais, entre crânios, tíbias e outras partes do corpo.

As ossadas são de vítimas das epidemias de peste, em 1652, e de cólera, em 1836. Entre os crânios mais venerados pelos turistas está o da "Concetta", que é procurado por mulheres que querem ter filhos, e o do "Capitão", por aquelas que desejam se casar. O tour "macabro" guiado dura menos de uma hora e, durante a visita, a trilha sonora fica por conta das notas musicais do saxofonista Marco Zurzolo, o que costuma aumentar a sensação de medo nas pessoas. O som do instrumento, quase rouco, faz referência às lamentações de mulheres que pregavam pelas "almas abandonadas", mortos sem identificação adotados pela população. A entrada no cemitério é gratuita, e o local fica aberto todos os dias da semana, das 10h às 17h. No entanto, a administração do ossário recomenda aos turistas uma visita guiada, que costuma ocorrer aos domingos, às 10h.

 

Agência ANSA

TAGS