PUBLICIDADE
Notícias

Pokémon Go é tema de campanhas para ajudar sírios

Em uma das ações, o designer sírio Saif Aldeen Tahhan usa o formato do jogo em cenários reais da guerra na Síria

23:27 | 21/07/2016
NULL
NULL

Ativistas do Grupo de Mídia das Forças Revolucionárias da Síria, utilizou o sucesso do jogo Pokémon Go para atrair a atenção do mundo ao drama vivido pelas crianças daquele País. A campanha propõe ajuda às famílias presas no conflito que se estende há cinco anos.

[SAIBAMAIS3] 

“Estou na Síria… Salve-me!”, diz o grupo no Twitter, em publicação com foto de crianças e desenhos de pokémons com as hashtags #PokemonInSyria (Pokémon na Síria) e #PrayForSyria (Ore pela Síria). Outro cartaz diz “Estou em Ghouta, Síria. Venha me salvar!”.

Campanha paralela

O designer sírio Saif Aldeen Tahhan também aproveitou a "febre" Pokémon Go para divulgar à comunidade internacional os problemas de seu País. Na série "Syria Go" (trocadilho com o nome do jogo) ele propõe a união de esforços ao inserir produtos necessários pela popuação local em cenários reais da guerra na Síria, como casas destruídas, terrenos de combate e escolas abandonadas. Entre os produtos retratados nas montagens, há brinquedos, livros e boias (aos refugiados que cruzam o Mediterrâneo em barcos precários).

[FOTO2]

Tahhan é um refugiado sírio que passou por Egito e Itália até chegar à Dinamarca em 2014. “As pessoas falam sobre Pokémon o tempo todo nas redes sociais, então eu criei essas imagens para chamar a atenção ao que os sírios estão realmente procurando nesta guerra”, disse o designer à rede CNN.

Redação O POVO Online

TAGS