PUBLICIDADE
Notícias

Juíza da Suprema corte diz se arrepender de críticas a Trump

13:10 | 14/07/2016
A juíza da Suprema Corte dos Estados Unidos, Ruth Bader Ginsburg, afirmou hoje se arrepender das fortes críticas feitas ao virtual candidato republicano, Donald Trump.

"Refletindo, minhas declarações foram imprudentes, e eu me arrependo de tê-las feito", afirmou Ginsburg, de 83 anos. "Juízes deveriam evitar comentar sobre políticos durante o processo eleitoral", acrescentou.

A magistrada, conhecida por fazer parte da ala liberal da Suprema Corte, e teceu as críticas esta semana, durante uma entrevista a um canal de TV dos EUA. Ginsburg chamou Trump de "farsante" e questionou por que ele ainda não mostrou suas declarações à Receita. Em resposta, o republicano afirmou que ela deveria renunciar ao cargo. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS