PUBLICIDADE
Notícias

Número de tigres no mundo aumenta pela primeira vez em cem anos

O número avaliado de tigres selvagens subiu para 3.890, em comparação com os 3.200 exemplares até 2010

09:10 | 11/04/2016
NULL
NULL
O número de tigres em estado selvagem no mundo aumentou pela primeira vez em cem anos graças aos esforços de preservação, informaram vários grupos de defesa da natureza.

Segundo dados do Fundo Mundial para a Natureza (WWF) e do Fórum Global do Tigre, o número avaliado de tigres selvagens subiu para 3.890, em comparação com os 3.200 exemplares até 2010.

É a primeira vez que o número desses felinos tem um aumento expressivo desde 1900, quando havia 100.000 tigres no mundo.

Mais da metade da população de tigres no mundo se encontra na Índia, onde 2.226 exemplares vivem em reservas de 18 Estados, segundo o último balanço de 2014.

Rússia, Butão e Nepal também contam com um grande número de tigres, segundo os últimos estudos.

Em Bangladesh, o número de tigres caiu de 440 em 2010 a 106 em 2015, apesar de os ecologistas acharem que a diferença se deve a uma sobreavaliação da população há seis anos.

A drástica redução da população desses felinos na Indonésia é causada pelo desmatamento com fins industriais destinados ao cultivo de óleo de palma e pasta de papel.

O Camboja, por sua parte, está pensando em reintroduzir o tigre depois de anunciar sua extinção na semana passa por não ter provas de sua existência no país desde 2007.

As principais causas da diminuição drástica da população de tigres na Ásia são o desmatamento, a destruição deu hábitat e a caça ilegal.
Em 2010, os 13 países com populações de tigres - Bangladesh, Butão, China, Camboja, Índia, Indonésia, Laos, Mianmar, Nepal, Rússia, Tailândia e Vietnã - elaboraram um plano para duplicar o número desses felinos antes de 2022.
AFP
TAGS