PUBLICIDADE
Notícias

Supostos fragmentos do voo MH370 chegam à Austrália para análise

O Boeing 777 malaio, desaparecido em 8 de março de 2014

05:53 | 21/03/2016
Dois fragmentos de avião encontrados em Moçambique chegaram nesta segunda-feira à Austrália, onde os analistas tentarão determinar se pertencem ao desaparecido voo MH370 da Malaysia Airlines.

"As peças foram empacotadas na África e permaneceram assim até sua chegada", disse o porta-voz da agência australiana de segurança no transporte.
"Hoje (segunda-feira) serão abertas por investigadores de vários países para ser analisadas", completou.

O Boeing 777 malaio, desaparecido em 8 de março de 2014, decolou de Kuala Lumpur e seguia para Pequim com 239 pessoas a bordo, em sua maioria chineses e malaios.

No ano passado, um fragmento de asa da aeronave foi encontrado na ilha de Reunião, no Oceano Índico, confirmando que a queda do avião.
As duas peças encontradas em Moçambique são um fragmento cinza com as palavras "No Step" e uma peça de metal de um metro de comprimento.
 
AFP
TAGS