PUBLICIDADE
Notícias

Rolling Stones anuncia show em Cuba

19:31 | 01/03/2016
Grupo, que já foi censurado no país, tocará em ilha comunista pela primeira vez. Apresentação gratuita acontece três dias depois de viagem oficial de presidente americano, Barack Obama, a Cuba. A banda britânica Rolling Stones anunciou nesta terça-feira (01/03) que irá fazer um show gratuito em Havana no dia 25 de março. Essa será a primeira vez que o grupo, cuja música chegou a ser proibida pelo governo comunista, se apresenta em Cuba. "Já tocamos em muitos locais especiais durante a nossa carreira, mas esse espetáculo em Havana será um marco para nós e esperamos que também o seja para os nossos amigos em Cuba", afirmou a banda de Mick Jagger e Keith Richard, em um comunicado. A banda se apresentará na Cidade Desportiva de Havana. O evento será filmado. O grupo afirmou que esse será o primeiro show ao ar livre de uma banda de rock britânica no país. Depois da revolução de 1959 que colocou Fidel Castro no poder, o governo comunista proibiu músicas do Rolling Stones, Beatles e Elvis Presley. Os fãs de rock tinham que recorrer ao mercado negro para conseguir discos dos grupos. Há alguns anos, o líder cubano lamentou a censura no setor musical e participou da inauguração de uma estátua de John Lennon em um parque em Havana, no 20º aniversário da morte do músico, em dezembro de 2000. "Arrependo-me muito de não tê-lo conhecido antes", disse Castro durante a cerimônia. O show do Rolling Stones acontecerá três dias depois da visita do presidente americano, Barack Obama, ao país. Os Estados Unidos e Cuba deram início à reaproximação em dezembro de 2014. O restabelecimento das relações bilaterais entre os países está abrindo também as portas da ilha para o setor cultural. De acordo com o jornal estatal cubano Granma, Paul McCartney e o U2 teriam mostrado interesse em se apresentar no país. CN/rtr/lusa/afp
TAGS