PUBLICIDADE
Notícias

Malásia afirma que destroços encontrados na África do Sul podem ser do voo 370

13:30 | 22/03/2016
Os destroços encontrados na África do Sul podem pertencer ao voo 370 da Malaysia Airlines, que desapareceu no Oceano Pacífico há dois anos, afirmou hoje o ministro dos Transportes malaio, Liow Tiong.

"Baseado em relatórios anteriores, existe a possibilidade de que a peça possa ser originária da turbina da aeronave", afirmou o ministro em um comunicado, acrescentando que as peças ainda precisam passar por um exame mais minucioso.

O voo 370 da Malaysia Airlines desapareceu em março de 2014, com 239 passageiros a bordo. Além dos destroços encontrados na África do Sul, outras peças foram encontradas na costa de Moçambique. Estas já estão sendo examinadas por uma equipe internacional, na Austrália. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS