PUBLICIDADE
Notícias

Líderes da UE avaliam ampliar operação naval na Líbia

15:20 | 18/03/2016
Lideranças da União Europeia discutiram nesta sexta-feira a possibilidade de ampliar a operação naval do bloco para enfrentar as gangues de tráfico de pessoas na costa da Líbia. A intenção das autoridades é impedir um salto no fluxo de imigrantes do norte africano para a Europa, segundo pessoas familiarizadas com as discussões.

O primeiro-ministro do Reino Unido, David Cameron, disse aos líderes da UE reunidos em Bruxelas na noite de quinta-feira que ele estava preparado para ampliar a missão da embarcação HMS Enterprise da Marinha britânica no centro do Mediterrâneo até pelo menos o verão local e queria que ela fosse enviada para águas territoriais líbias.

Cameron discutiu a questão da Líbia nesta sexta-feira com os líderes de França, Alemanha, Itália, Espanha e Malta. A chefe da política externa da UE, Federica Mogherini, também participou.

Uma autoridade da UE informou que Mogherini disse aos líderes que ela convocará uma reunião conjunta de ministros da Defesa e das Relações Exteriores da UE sobre a Líbia, em 18 de abril em Luxemburgo, para discutir os planos.

O conflito em andamento na Líbia também abriu espaço para o Estado Islâmico ampliar sua base de operações no país, um crescente foco de preocupação internacional. Não estava ainda claro se os líderes discutiram como combater o grupo extremista sunita na Líbia. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS