PUBLICIDADE
Notícias

Reino Unido e Comissão Europeia falham em acordo e conversas devem continuar

19:25 | 31/01/2016
O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, e o primeiro-ministro do Reino Unido, David Cameron, falharam em chegar a um acordo voltado para manter o país dentro da União Europeia. Apesar disso, os dois concordaram em continuar as conversas por mais um dia

"Sem acordo", disse Tusk a jornalistas ao sair da reunião na residência oficial do primeiro-ministro neste domingo.

Cameron afirmou no Twitter que a reunião foi boa e que os dois concordaram com "mais 24 horas de conversas" antes que propostas fossem publicadas para a consideração da União Europeia.

O primeiro-ministro britânico quer limitar os benefícios sociais oferecidos a imigrantes de outros países da União Europeia que vão para o Reino Unido. Outros líderes do bloco têm resistido à ideia.

Um princípio do bloco de 28 nações é a permissão para que seus cidadãos trabalhem e vivam livremente entre os países membros.

Tusk havia informado que, se ele e Cameron tivessem chegado a um acordo, os pontos seriam apresentados aos outros 27 países do bloco na segunda-feira. O Reino Unido e a União Europeia têm aguardado que um pacto final seja alcançado até a conferência dos dias 18 e 19 de fevereiro, mas a previsão se torna cada vez mais improvável a menos que haja rápido progresso.

Os benefícios sociais se tornaram o principal ponto nas negociações do Reino Unido com o resto da União Europeia antes da realização de um referendo sobre a continuidade da permanência no bloco. O referendo deve ser realizado antes do ano que vem e pode ocorrer até junho. Fonte: Associated Press.

TAGS