PUBLICIDADE
Notícias

Rebeldes têm bloqueado ajuda humanitária no Iêmen, alerta Human Rights Watch

10:45 | 31/01/2016
Os rebeldes no Iêmen conhecidos como houthis estão impedindo a ajuda humanitária de entrar na cidade ocidental sitiada de Taiz, alertou neste domingo a organização internacional não-governamental Human Rights Watch.

Em um comunicado, a organização disse que há meses os rebeldes têm restringido a entrada de alimentos e suprimentos médicos para a terceira maior cidade do Iêmen, o que foi descrito como uma "violação grave do direito humanitário internacional".

O conflito no Iêmen coloca as forças armadas que lutam ao lado do governo reconhecido internacionalmente contra os xiitas houthis e tropas fiéis ao ex-presidente, que, juntos, controlam a capital, Sanaa, e grandes partes do norte do Iêmen. Fonte: Associated Press.

TAGS