PUBLICIDADE
Notícias

Mulher é detida pelo assassinato de oito crianças

A polícia confirmou que entre as oito vítimas estão quatro meninas e quatro meninos, de cinco, seis, oito e nove anos de idade

07:24 | 20/12/2014
NULL
NULL

A mãe de sete das oito crianças encontradas mortas a facadas, em uma casa na cidade australiana de Cairns, foi presa por assassinato, informou a polícia neste sábado, 20.

"A mãe, de 37 anos, de várias das crianças envolvidas nesse incidente foi presa por assassinato, durante a noite, e está sob custódia policial no Hospital de Cairns Base", disse à imprensa o inspetor de polícia Bruno Asnicar.

A polícia confirmou que entre as oito vítimas estão quatro meninas (de dois, 11, 12 e 14 anos) e quatro meninos, de cinco, seis, oito e nove anos de idade.

As autoridades não divulgaram os nomes por razões culturais, pois em algumas culturas aborígenes é considerado pouco respeitoso dizer o nome de uma pessoa falecida.

[SAIBAMAIS1] 

Segundo a polícia, a mulher é mãe das sete crianças mais jovens e tia da adolescente de 14 anos.

Ela ainda não foi indiciada e segundo a polícia está colaborando com a investigação.

"Está em condição estável e recebe atendimento", disse o inspetor Asnicar, antes de afirmar que a mulher tem ferimentos de arma branca no torso, sem informar se ela foi responsável pelos mesmos.

[FOTO2]

 

 

 

 

 

 

 

 

Segundo a polícia de Cairns, os agentes foram chamados à casa e encontraram os corpos das oito crianças.
Os legistas estão trabalhando na casa, mas os cadáveres já foram enviados para o necrotério.
A tragédia teria sido descoberta pelo filho mais velho, de 20 anos, da mulher detida, quando chegou na manhã dda última sexta-feira, 19, na casa da família em Manoora, um bairro do subúrbio de Cairns.

[FOTO3]

 

 

 

 

 

 

 

 

A polícia não informou como as crianças morreram, mas confirmou que facas foram encontradas na casa.

De acordo com Asnicar, as autoridades devem divulgar informações após os resultados das necropsias.

 

AFP

TAGS