PUBLICIDADE
Notícias

Putin lidera ranking dos mais poderosos do mundo; Dilma aparece na 31ª posição

A revista considera que o presidente russo não é um exemplo de ''boa pessoa'', já que ele se envolveu em conflitos armados na Ucrânia este ano. No entanto, a revista ressalta que essa avaliação é relacionada ao poder

11:27 | 05/11/2014
NULL
NULL

O presidente russo Vladimir Putin foi escolhido como o homem mais poderoso do mundo pelo segundo ano consecutivo, ficando à frente de seu colega americano Barack Obama, segundo ranking de 72 personalidades elaborado pela revista Forbes.

A presidente Dilma Rousseff se encontra em 31º. lugar, à frente do bilionário Ruper Murdoch e da chefe do FMI, Christine Lagarde.

"Em 2014, o presidente russo exibiu sua força em nível mundial anexando a Crimeia, colocando em cena uma guerra subsidiária na Ucrânia e assinando um acordo com a China para construir um gasoduto de mais de 70 bilhões de dólares", explicou a Forbes.

Em 2013, Putin tirou Obama do primeiro lugar da lista que a respeitada revista americana divulga pelo sexto ano.

A revista considera que o presidente russo não é um exemplo de "boa pessoa", já que ele se envolveu em conflitos armados na Ucrânia este ano. No entanto, a revista ressalta que essa avaliação é relacionada ao poder. Em 2013, ano que Putin também foi reconhecido como o homem mais poderoso do mundo, a Forbes justificou que a decisão tomada foi devido a sua "continuação em solidificar seu controle sobre a Rússia e o cenário internacional".

Atrás dos líderes russo e americano, estão o presidente chinês Xi Jinping 3º, o papa Francisco 4º e a chanceler alemã Angela Merkel 5ª.

A lista completa tem 72 nomes, com 17 chefes de estado, 39 CEOs de empresas e 29 bilionários. Confira a lista completa no site da Forbes.

Redação O POVO Online e AFP

TAGS