PUBLICIDADE
Notícias

Síria diz que destruiu dois caças do Estado Islâmico

10:40 | 22/10/2014
A Força Aérea da Síria afirmou que destruiu dois caças roubados por radicais do grupo Estado Islâmico em operação na semana passada. O ministro da Informação, Omran al-Zoubi, em entrevista à uma rede de TV do país na noite da terça-feira, disse que os sírios bombardearam as aeronaves na base aérea de Jarrah, no leste da província de Aleppo.

Segundo o governo, os militantes realizaram um voo de teste nos dois jatos e estavam pousando quando foram atacados. Um terceiro jato ainda está sob controle dos extremistas e é procurado pela Força Aérea do país.

O Observatório Sírio de Direitos Humanos, baseado em Londres, havia anunciado anteriormente que os militantes islâmicos haviam voado com os três jatos MiG na basea aérea de Jarrajcom o apoio de ex-pilotos da Força Aérea do Iraque que agora fazem parte do grupo.

As aeronaves foram tomadas de uma base síria na província de Raqqa neste ano, mas não se sabia se os equipamentos estavam em condições operacionais. Al-Zoubi descreveu os caças como antigos e disse que não eram mais úteis como instrumento militar. Durante a entrevista, o representante do governo acusou a Turquia de utilizar as informações dos jatos roubados para pressionar pela criação de uma zona livre de tráfego aéreo na Síria. Fonte: Associated Press.

TAGS