PUBLICIDADE
Notícias

Obama pede mais ajuda internacional na luta contra ebola

18:00 | 06/10/2014
O presidente dos EUA, Barack Obama, afirmou nesta que alguns países não estão contribuindo o suficiente para combater a crise de ebola na África Ocidental.

De acordo com ele, a comunidade internacional não tem sido tão agressiva quanto é necessário para ajudar a conter o que ele classificou como uma as principais questões de segurança nacional para os EUA.

O presidente pretende pressionar os líderes mundiais para "ter certeza de que eles estão fazendo tudo o que podem para se unirem a nós nesse esforço".

Obama disse que as chances de um surto de ebola nos EUA são baixas, mas que sua administração está trabalhando em protocolos adicionais de vistoria para passageiros de linhas aéreas internacionais, tanto dentro contra fora dos EUA. Fonte: Associated Press.

TAGS