PUBLICIDADE
Notícias

Cão de enfermeira infectada pelo vírus ebola é isolado em uma base americana

Bantley, como é chamado, está isolado por precaução e passa bem, além de ter direito à cama e brinquedos

18:23 | 15/10/2014

O cachorro da enfermeira infectada por vírus ebola em Dallas, no Texas, foi isolado em uma base naval americana, de acordo informações divulgada nesta quarta-feira, 15, pelas autoridades americanas. O cão passa bem e tem direito à cama e brinquedos.

[SAIBAMAIS1]

Bantley, como é chamado, está isolado por precaução, por possível contágio com o vírus ebola, responsável pela morte quatro mil pessoas no mundo.

Bantley pertence à enfermeira do Texas Health Presbyterian Hospital, Nina Phan, primeira pessoa a contrair ebola fora da África.

A enfermeira cuidou de Thomas Eric Duncan, paciente que morreu no centro médico na última quarta-feira, 8, vítima do vírus.

Esse caso é semelhante ao da enfermeira espanhola, Teresa Romero, que também foi contraiu o vírus em Madri. O cachorro, Excálibur, não recebeu a mesma atenção e tratamentos de Bantley e acabou sendo sacrificado pelas autoridades da Espanha.

 

Redação O POVO Online

TAGS