PUBLICIDADE
Notícias

Bolsas chinesas sobem com expectativa após estímulos

07:50 | 18/08/2014
Os mercados acionários dos países asiáticos fecharam majoritariamente em alta nesta segunda-feira, em meio aos recentes esforços de Pequim para revitalizar a economia chinesa. Na Oceania, a bolsa de Sydney subiu para o maior patamar em duas semanas, com expectativa de bons resultados corporativos e sinais de resiliência do mercado em relação aos conflitos geopolíticos.

O índice chinês Xangai Composto teve ganho de 0,57%, a 2.239,47 pontos, atingindo o maior nível desde o início de dezembro de 2013. O Shenzhen Composto, também na China, terminou o dia em alta de 1,46%, a 1.218,73 pontos.

"Após diversas medidas de estímulo, os investidores estão aumentando as apostas no mercado de ações. Eles acreditam que é o começo de um período de altas", disse o analista da Capital Securities, Li Bin. Só no mês de julho, a bolsa de Xangai já acumula valorização de 10%.

"Alguma correção é inevitável nos próximos dias, mas comparado a investimentos como o imobiliário, o mercado de ações é mais atrativo", explicou o analista Zeng Xianzhao, da Everbright Securities.

A bolsa das Filipinas também encerrou a sessão com valorização, puxada pelas blue chips do mercado de Manila. O índice PSEi avançou 0,27%, a 7.027,58 pontos.

Em Hong Kong, no entanto, o mercado foi mais influenciado por uma queda de preços dos novos imóveis em 65 das 70 cidades chinesas com esse tipo de acompanhamento. O índice Hang Seng ficou estável, a 24.955,46 pontos.

"A pressão para baixo da atividade de construção pode piorar antes de melhorar", avaliou o Royal Bank of Scotland em relatório.

Na contramão dos mercados da região, o índice Kospi, da bolsa de Seul, caiu 0,49%, a 2.053,13 pontos. O resultado foi puxado para baixo pelas ações da Hyundai Motor, que enfrenta ameaças de greve dos trabalhadores nesta semana.

Seguiram a mesma direção o Taiex, de Taiwan, que caiu 0,71%, a 9.141,31 pontos, e o índice KLCI, da Malásia, que fechou em baixa de 0,14%, a 1861,75 pontos.

Na Austrália, a bolsa de Sydney atingiu o maior nível em duas semanas nesta segunda-feira com o otimismo dos investidores em relação à atual temporada de resultados corporativos. As ações também reagiram a sinais de que os conflitos geopolíticos têm reduzido a influência no mercado. O índice S&P/ASX 200 avançou 0,37%, para 5.587,10 pontos. Com informações da Dow Jones Newswires.

TAGS