PUBLICIDADE
Notícias

Conflitos fazem UEFA proibir jogos entre russos e ucranianos

A decisão, tomada antes da queda do avião da Malaysia Airlines, que deixou 298 mortos, foi baseada na instável situação política da região

22:09 | 17/07/2014
A União das Federações Europeias de Futebol (UEFA) determinou nesta quinta-feira, 17, que equipes russas e ucranianas não se enfrentem em competições europeias. A decisão, tomada antes da queda do avião da Malaysia Airlines, que deixou 298 mortos, foi baseada na instável situação política da região.

Segundo a UEFA, as próprias confederações pediram para que qualquer possibilidade de confronto fosse vetada. Com a decisão, Zenit (RUS) e Dnipro (UCR), que estão na terceira fase da Liga dos Campeões, terão que ser separados em uma modalidade especial do sorteio, que será realizado nesta sexta-feira, 18.
[SAIBAMAIS5]"Levando em conta a situação política atual, a Federação Russa e a Federação Ucraniana manifestaram suas preocupações pela segurança caso equipes dos dois países tenham que se enfrentar nas competições da Uefa", diz um comunicado divulgado pela UEFA.

Também ficou vetada a realização de partidas da Liga dos Campeões e da Liga Europa em Israel. O país vive um confronto contra grupos palestinos na região da Faixa de Gaza. Na contramão das outras decisões, a entidade deu a permissão para que jogos sejam realizados em cidade que antes eram consideradas de risco, como Dnipropetrovsk, Odesa, Kyiv e Lviv, todas na Ucrânia.

Redação O POVO Online

TAGS