PUBLICIDADE
Notícias

Ataque de Israel mata quatro crianças em Gaza

16:10 | 16/07/2014
Israel intensificou os ataques contra a Faixa de Gaza nesta quarta-feira atingindo líderes do Hamas e a costa do território palestino, em bombardeio que matou quatro crianças. A escalada de violência veio após o Hamas rejeitar formalmente o cessar-fogo proposto pelo Egito, que havia sido aceito por Israel. Ao todo, 213 palestinos e um israelense foram mortos durante os nove dias deste novo ciclo de conflitos.

As quatro crianças, de idade entre 9 e 11 anos, foram mortas enquanto brincavam na praia da Cidade de Gaza, segundo o médico palestino Ashraf Al Kedra. Outras sete pessoas foram feridas no ataque.

O oficial do Hamas, Sami Abu Zahri, pediu que o presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas, que controla a Cisjordânia, também se opusesse ao acorde de cessar-fogo. Ele disse ainda, em pronunciamento à imprensa, que o Hamas está "sozinho no campo de batalha" e clamou por apoio do mundo árabe. O grupo, que controla a Faixa de Gaza, diz não aceitar o acordo até que Israel flexibilize o cerco a Gaza e liberte prisioneiros palestinos.

Segundo o site do Ministério do Interior de Gaza, aviões de Israel fizeram dúzias de ataques apenas nesta quarta-feira, atingindo 30 casas, incluindo a dos líderes do Hamas Mahmoud Zahar, Jamila Shanti, Fathi Hamas e Ismail Ashkar.

Zahar foi um dos principais responsáveis pela tomada violenta do poder em Gaza pelo Hamas em 2007, enquanto os outros três eram membros do parlamento palestino eleitos em 2006. Fonte: Associated Press.

TAGS