PUBLICIDADE
Notícias

Peru: polícia prende dirigentes do Sendero Luminoso

18:00 | 10/04/2014
Cerca de 30 dirigentes políticos do grupo armado Sendero Luminoso foram detidos em uma operação policial nesta quinta-feira, no Peru. Entre os presos estão o advogado e ex-líder guerrilheiro Abimael Guzmán e um primo do presidente Ollanta Humala.

O ministro do Interior, Walter Albán, anunciou hoje que as prisões aconteceram após anos de investigações que incluíram interceptações telefônicas e o uso de agentes secretos. Segundo Albán, seis membros do grupo político Movimento pela Anistia e Direitos Fundamentais também estão na mira da polícia.

Os dirigentes foram detidos pela suspeita de financiamento e prática de terrorismo com dinheiro proveniente de narcotráfico. De acordo com o policial Victor Cubas, a investigação vai durar 15 dias e, enquanto isso, eles continuarão na cadeia. Fonte: Associated Press.

TAGS