PUBLICIDADE
Notícias

Merkel: podemos adotar novas sanções contra a Rússia

11:40 | 25/04/2014
A primeira-ministra da Alemanha, Angela Merkel, ameaçou novas sanções contra empresários e políticos da Rússia depois que o governo de Vladimir Putin não conseguiu cumprir os termos do acordo assinado na semana passada em Genebra, que visa ajudar a superar a crise na Ucrânia.

Falando à imprensa antes de uma reunião com o primeiro-ministro da Polônia, Donald Tusk, Merkel reiterou que disse à Putin que não é aparente o compromisso da Rússia com o acordo que busca a paz entre os insurgentes do leste e o governo de Kiev. "A Rússia tem ou teria a oportunidade de trazer os separatistas Ucrânia para um caminho de paz", afirmou a premie alemã. " Tais sinais, no entanto, até agora não se concretizaram. Vamos, portanto, ter de agir."

Merkel disse ainda que quer que o processo diplomático com o Kremlin continue. "Por outro lado, na ausência de resultados positivos, devemos pensar na possibilidade de uma nova rodada de sanções", afirmou a premiê.

A líder alemã vai realizar uma teleconferência com o presidente dos EUA, Barack Obama, e outros governantes europeus para discutir uma nova rodada de sanções aos russos.

Em sua declaração, Merkel disse que ela irá considerar a proposta de Tusk de considerar a formação de uma empresa europeia que iria comprar o gás natural da Gazprom e distribuir para todo o bloco, eliminando assim as negociações multilaterais e enfraquecendo o pressão das negociações russas. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS