PUBLICIDADE
Notícias

EUA: Sobe para 17 número de mortos por tornados

14:30 | 28/04/2014
O número de mortos pelo tornado que atingiu a região central dos Estados Unidos na noite de ontem subiu para 17 nesta segunda-feira, informaram autoridades locais. De Manila, onde cumpre agenda oficial, o presidente dos EUA, Barack Obama, manifestou pesar pelas vítimas da catástrofe natural e prometeu ajuda do governo federal aos afetados.

Matt DeCample, porta-voz do governador de Arkansas, disse que 16 das 17 mortes ocorreram em seu Estado. Ele afirmou que elas foram atingidas na noite de domingo, quando o tornado atingiu vários subúrbios da capital do estado, Little Rock. Outro tornado matou uma pessoa em Oklahoma.

O fenômeno em Little Rock se moveu em direção ao nordeste por pelo menos 48 quilômetros. Imagens de televisão mostravam edifícios e veículos muito danificados. Pelo menos duas crianças figuram entre os mortos.

Carl Minden, xerife do distrito de Pulaski, em Arkansas, disse que três pessoas foram mortas quando o tornado destruiu uma casa a oeste de Little Rock. Minden disse que várias outras pessoas ficaram feridas.

Equipes de emergência e voluntários estão indo de porta em porta à procura de mais vítimas.

Outros tornados formaram-se nos Estados de Nebraska, Iowa, Missouri e Kansas, onde dezenas de casas na cidade de Baxter Springs foram destruídas, deixando pelo menos 25 feridos. Ainda não está claro se uma morte ocorrida em Baxter Springs foi resultante da tempestade.

Vários Estados norte-americanos emitiram um alertas de tornados, o que significa que eles podem se formar, mas não representan ameaça imediata. Os Estados incluem Kansas, Missouri, Mississippi, Nebraska, Iowa, Texas, Louisiana, Novo México e Tennessee.

Em Oklahoma, o diretor do serviços de emergências de Ottawa Joe Dan Morgan disse que Quapaw, com cerca de 900 moradores, sofreu extensos danos.

Na visita às Filipinas, Obama disse que a Agência Federal de Resposta a Desastres ajudará os afetados ocorrerá em coordenação com autoridades locais. Fonte: Associated Press.

TAGS