PUBLICIDADE
Notícias

Bolsas asiáticas fecham majoritariamente em alta

12:30 | 30/04/2014
As bolsas asiáticas fecharam majoritariamente em alta nesta quarta-feira, com alguns mercados menores impulsionados pelo bom desempenho das ações em Wall Street, na sessão de ontem, e os índices chineses avançando com temores menores em relação a um possível excesso de novas ações após o lançamento de ofertas públicas iniciais (IPOs, na sigla em inglês).

O Xangai Composto, principal índice acionário da China, subiu 0,3%, a 2.026,36 pontos, enquanto o Shenzhen Composto avançou 0,8%, a 1.027,57 pontos. O volume de negócios de ambas as bolsas subiu levemente, a 11,93 bilhões de yuans (US$ 1,9 bilhões), de 11,67 bilhões de yuans ontem, com os investidores reticentes em se comprometer antes de um feriado de quatro dias. Os mercados chineses vão fechar a partir de amanhã, por causa do feriado do Dia do Trabalho, e só reabrirão na segunda-feira.

Nas duas últimas semanas, no entanto, o Xangai Composto acumulou perdas de quase 5% em meio a preocupações de que a retomada de IPOs, prevista para maio, leve a um volume excessivo de ações em circulação. Esses temores, no entanto, já foram precificados, segundo analistas.

Entre as ações chinesas mais negociadas, a empresa imobiliária Shanghai Wanye saltou 4,3%, após prever um aumento de mais de três vezes no lucro do primeiro semestre, e mineradora Inner Mongolia Xingye Mining subiu 0,4%, após dizer que os ganhos do mesmo período vão subir pelo menos 86% na comparação anual. Grandes instituições financeiras, porém, recuaram após o Banco do Povo da China (PBoC, o BC chinês) alertar que é preciso permitir a falência de produtos financeiros muito arriscados: o ICBC teve perda de 0,3%, o Bank of China caiu 0,4% e o China Construction Bank mostrou declínio de 0,5%.

O fechamento em alta das bolsas de Nova York ontem, que veio após um noticiário corporativo favorável, contribuiu para o tom positivo em mercados menores da Ásia. Em Manila, o índice filipino PSEi avançou 1,1%, a 6.707,91 pontos, enquanto em Cingapura, o Straits Times Index ganhou 0,8%, a 3.264,71 pontos.

Por outro lado, o índice sul-coreano Kospi, da Bolsa de Seul, caiu 0,2%, a 1.961,79 pontos, e o Hang Seng Index, de Hong Kong, recuou 1,4%, após o forte salto de 1,5% visto na sessão anterior.

Na Austrália, o índice S&P ASX 200 registrou alta inferior a 0,1%, fechando a 5.489,10 pontos, com o mercado local não conseguindo se recuperar da acentuada perda no pregão de ontem. Os bancos pressionaram a Bolsa de Sydney, com o National Australia Bank e o Bank of Queensland caindo 0,6% e 1,1%, respectivamente. Com informações da Dow Jones Newswires.

TAGS