PUBLICIDADE
Notícias

Acordo de reunificação do Chipre pode sair em 2014

07:00 | 22/04/2014
O líder turco-cipriota Dervis Eroglu afirmou nesta segunda-feira que o acordo para reunificar o Chipre, que está dividido desde 1974, pode ser estabelecido em 2014.

Após reunião com o secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-mon, Eroglu disse que as negociações com o líder greco-cipriota Nicos Anastasiades sobre a reunificação do Chipre, que foram retomadas em fevereiro deste ano, poderiam produzir resultados.

O Chipre está dividido há 40 anos, após a Turquia ter invadido o norte da ilha em reação a um golpe de estado incentivado por nacionalistas greco-cipriotas que defendiam que o país se integrasse ao território da Grécia. Os turco-cipriotas declararam um estado independente em 1983, mas apenas o governo turco reconhece a República Turca do norte do Chipre.

"Nossa meta continua sendo a resolução do problema do Chipre no menor

tempo possível", afirmou Eroglu. "Temos o apoio do secretário-geral da ONU. Ele tem encorajado ambos os lados", acrescentou.

Além disso, o líder turco-cipriota disse que o objetivo é diminuir as diferenças entre os países e encontrar uma solução rapidamente. "Um acordo é possível este ano. Podemos finalizá-lo e convocar referendos simultâneos ainda em 2014", concluiu Eroglu. Fonte: Associated Press.

TAGS