PUBLICIDADE
Notícias

Novos ataques aéreos na capital síria, 12.000 refugiados na Jordânia

11:18 | 22/01/2013
AFP
AFP

A aviação e a artilharia do regime sírio bombardearam nesta terça-feira os redutos rebeldes na periferia de Damasco, no mesmo dia em que Jordânia anunciou na chegada na última semana de 12.000 refugiados do país em guerra.

Pelo sexto dia consecutivo prosseguem os combates entre rebeldes e combatentes da União Democrática Curda (PYD), a facção síria do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), que já deixaram ao menos 56 mortos nos dois lados, indicou o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH).

Na região de Damasco, os aviões de combate do regime de Bashar Al Assad lançaram ataques contra Duma, nordeste da capital, e sobrevoaram a Guta Oriental, a região onde os rebeldes mantêm sua base.

Por outra parte, o governo da Jordânia indicou nesta terça-feira que mais de 12.000 sírios, em sua maioria mulheres e crianças, se refugiaram nos últimos seis dias para escapar do conflito que começou em março de 2011 e que já deixou ao menos 60.000 mortos, segundo a ONU.

 

AFP

TAGS