PUBLICIDADE
Notícias

China desmente que Kim Jong-Un tenha se submetido a cirurgias estéticas

06:31 | 24/01/2013
afp
afp

A agência de notícias Nova China negou as informações segundo as quais o líder norte-coreano, Kim Jong-Un, teria se submetido a seis operações de cirurgia estética para se parecer com seu avô Kim Il-Sung.

"Nestes últimos dias, uma informação segundo a qual Kim recorreu em várias ocasiões à cirurgia estética despertou o interesse de muita gente", ressaltou a agência de notícias oficial chinesa.

"Descobrimos que estas informações teriam começado por um tema divulgado pela Shenzhen TV", prosseguiu a Nova China. Segundo esta rede de televisão chinesa, Kim "se submeteu a seis operações de cirurgia estética para se parecer com seu avô, o fundador da República Popular Democrática da Coreia".

A agência de notícias estatal contactou vários de seus correspondentes em Pyongyang, que informaram que estes rumores eram infundados.

Um deles, Du Baiyu, afirmou que a maneira de se pentear e de se vestir de Kim Jong-Un "não havia mudado em muito tempo".

"Além disso, se parece não apenas com seu avô, mas também com seu pai Kim Jong-Il", acrescentou Du.

Desde sua chegada ao poder, circularam muitos comentários sobre a semelhança entre Kim Il-Sung (1912-1994) e Kim Jong-Un, terceiro da dinastia comunista norte-coreana depois de ter sucedido seu pai, Kim Jong-Il (1941-2011), herdeiro, por sua vez, de Kim Il-Sung.

Os observadores também ressaltaram que Kim Jong-Un era o retrato vivo de seu avô quando tinha a sua idade, com a mesma corpulência, o mesmo corte e cabelo e as mesmas roupas escuras ao estilo Mao.

Segundo especialistas, esta semelhança cuidadosamente medida busca tranquilizar a população e reafirmar a autoridade do jovem líder.

 

AFP

TAGS