Participamos do

Empresa deve plantar 3.500 árvores em volta do rio maranguapinho até junho

A ideia é reduzir impactos ambientais. As mudas estão sendo plantadas ao longo da APA, abrangendo além da Capital, as cidades de Maracanaú e Maranguape

A empresa Dasart Engenharia iniciou uma ação de plantio de árvores nativas no percurso da Área de Proteção Ambiental (APA) do rio Maranguapinho, abrangendo as cidades de Maracanaú, Maranguape e Fortaleza. Entre as espécies plantadas, estão Ipês, Angico, Canafístula, Sibipiruna, Cedro, Aroeira e Pata de Vaca. Ao todo, 3.500 mudas devem ser plantadas até junho deste ano.

Já foram plantadas mais de 800 mudas de espécies nativas semi-arbóreas variadas. De acordo com a Dasart, os pontos contemplados compreendem áreas nos bairros Canindezinho, Bonsucesso e João XXIII. 

A ação conta com o apoio da Coordenadoria de Biodiversidade (Cobio/Sema), por meio da Célula de Florestamento (Ceflor/Cobio), com a Coordenadoria de Políticas Ambientais (Seuma) e a Casa Civil do Governo do Estado do Ceará.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

A iniciativa, conforme a empresa, tem o objetivo de reduzir os impactos ao meio ambiente. O diretor presidente da Dasart Engenharia, Vitor Frota, explicou que a empresa ainda usa metodologia de neutralização de carbono nos escritórios.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar