Participamos do

Trio é preso com artefatos explosivos em veículo no Centro de Fortaleza

Os homens foram autuados em flagrante pelo crime de posse ou porte ilegal de arma de fogo. A Polícia Civil segue investigando o caso
19:56 | Mar. 20, 2022
Autor Redação O POVO
Foto do autor
Redação O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Três homens em posse de oito artefatos explosivos em um veículo foram presos na madrugada deste domingo, 20, no Centro de Fortaleza. A ação contou com o apoio de videomonitoramento da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). Com o trio também foram apreendidos dois celulares e dinheiro.

Conforme a SSPDS, a ofensiva teve início após policiais militares serem acionados acerca de homens em atitudes suspeitas. Com isso, o carro começou a ser observado por profissionais do Núcleo de Videomonitoramento (Nuvid).

O carro foi avistado trafegando nas proximidades da avenida Dom Manoel, e os policiais solicitaram a parada do veículo. A ordem foi ignorada, iniciando uma perseguição.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

O condutor, identificado com Rennan Vieira de Carvalho, de 28 anos, bateu o veículo no meio fio da via e, com a colisão, o carro parou de funcionar. Rennan tentou fugir a pé, mas foi capturado.

Os outros dois homens que estavam no veículo foram identificados como Jhone Mendes Ricardo, de 30 anos, e Alan Bruno Martins, de 33 anos.

Durante vistoria no automóvel, os policiais se depararam com dois artefatos explosivos ao lado do banco do motorista. Por isso, o perímetro foi isolado. Os agentes acionaram o grupo antibombas do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) da PMCE, que encontrou mais seis artefatos no painel do veículo.

O trio foi capturado e encaminhado à Delegacia do 34° Distrito Policial, unidade da Polícia Civil do Estado do Ceará. Lá eles foram autuados em flagrante pelo crime de posse ou porte ilegal de arma de fogo. A Polícia Civil segue investigando o caso.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags