PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Lockdown: Agefis autua 158 estabelecimentos e encerra 75 eventos em Fortaleza

Agefis e Guarda Municipal de Fortaleza atuaram juntos durante as fiscalizações para o cumprimento do decreto de lockdown na Capital

21:39 | 26/03/2021
Foram 1.829 fiscalizações desde o inicio do decreto de lockdown  (Foto: Thais Mesquita)
Foram 1.829 fiscalizações desde o inicio do decreto de lockdown (Foto: Thais Mesquita)

De acordo com a Agência Fiscalização De Fortaleza (Agefis), cerca de 1.829 fiscalizações foram efetuadas em Fortaleza, resultando em 158 autuações, 104 notificações, 75 eventos encerrados e 111 estabelecimentos interditados. Além disso, 40 feiras irregulares foram dispersadas e ocorreram 7 apreensões de aparelhos de som. Os dados são do dia 5 de março, quando foi publicado o decreto de isolamento social na Capital, até o dia 25 de deste mês.

Em transmissão ao vivo pelas redes sociais da Prefeitura de Fortaleza, a superintendente da Agefis, Laura Jucá, informou que a agência trabalha, principalmente, com o papel de orientar a população na prevenção contra o coronavírus. Desde a primeira onda da Covid-19, em março de 2020, até 25 de março deste ano, a Agefis distribuiu mais de 100 mil kits de máscaras, totalizando 200 mil máscaras.

| LEIA TAMBÉM | Ceará reduz casos de Covid-19 em 14,4%, mas número de mortes aumenta

O diretor geral da Guarda Municipal de Fortaleza, inspetor Távora, também estava presente durante a transmissão. Ele informou que a Guarda Municipal vem trabalhando junto a Agefis na fiscalização de trânsito. De acordo com o inspetor, desde o novo decreto de lockdown, foram executadas mais de 10 mil abordagens a pessoas e mais de 6 mil abordagens à veículos.

O diretor geral ressaltou, ainda, que o fluxo de veículos é permitido apenas dentro do decreto. Estão autorizadas viagens para os locais de trabalho, para atividades essenciais e por motivos de saúde. “Não é privar o cidadão de alguma necessidade, mas sim, garantir que as pessoas fiquem em casa e que a circulação só ocorra de maneira necessária”, destacou o inspetor.

Laura Jucá ainda ressaltou os cuidados para o próximo feriadão da semana santa, na sexta-feira, 3 de abril. “É importante que se evitem almoços de família e reuniões, pois são nesses momentos que existe um alto risco de contaminação”. A Agefis, a Guarda Municipal de Fortaleza e Regional 2 irão montar estrutura anexa no Mercado dos Peixes para evitar aglomerações durante as compras e orientar a população sobre aglomerações familiares.

Serviço

A população pode fazer denúncias de aglomerações clandestinas ou funcionamento de atividades não essenciais pelos canais de comunicação da Agência Fiscalização De Fortaleza (Agefis):

Número de telefone: 156
Aplicativo: Fiscalize Fortaleza
Página na web: denuncia.agefis.fortaleza.ce.gov.br