PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Dois mil pacientes assistidos pela Associação Nossa Casa precisam de leite para continuar tratamento contra o câncer

Vice-presidente da associação conta que entidade está preocupada em não conseguir mais acolher os pacientes. Veja onde e como doar

13:47 | 30/11/2020
Pacientes podem deixar de receber o mingau doado pela Associação Nossa Casa, porque o estoque de leite está quase no fim. 

 (Foto: Divulgação)
Pacientes podem deixar de receber o mingau doado pela Associação Nossa Casa, porque o estoque de leite está quase no fim. (Foto: Divulgação)


A Associação Nossa Casa, que acolhe pacientes em tratamento contra câncer, está precisando de doações de leite para mais de dois mil assistidos pela entidade. Como parte do seu programa de suporte alimentar, a Associação fornece dois lanches diários para pacientes em tratamento oncológico em Fortaleza. O estoque de leite está quase no fim, o que pode levar a suspensão dos lanches para 2000 pacientes com câncer.

Os pacientes em tratamento de radioterapia e quimioterapia recebem o mingau pela manhã e tarde. Para muitos, é a primeira refeição do dia ou tem o papel de lanche e almoço. Todos esses pacientes são provenientes do Sistema Único de Saúde – SUS, do Interior do Estado e de Fortaleza.

A vice-presidente da Associação Nossa Casa, Daniele Castelo Branco, explica que o leite doado vai diretamente para o programa de suporte alimentar. Cestas básicas e outros alimentos também são importantes para os pacientes. "Esses lanches são super importantes, porque às vezes é a única refeição que o paciente tem no dia. Tem muita demanda de pacientes do interior. Eles vêm e voltam no mesmo dia. Essas pessoas passavam o dia inteiro aqui muitas vezes sem comer", conta Daniele. Esse alimento é servido tanto para o paciente quanto para acompanhantes. O leite é um dos principais ingredientes desse lanche, por isso a campanha foca nesse alimento. "Os mingaus são bem aceitos pelo paciente. Alimentação mais pastosa, aquece o estômago. Paciente vai para quimioterapia alimentado", acrescenta.

Importância da alimentação

 

Há mais de dois meses a Nossa Casa está fazendo campanhas internas e nas redes sociais para arrecadar o alimento, mas a quantidade de leite que chega não é o suficiente para suprir à demanda utilizada. De acordo com Juliana Bastos, nutricionista responsável pela alimentação dos pacientes, são distribuídos 180 copos de mingau nas recepções, dando um total de 5.400 copos de 150ml ao mês.

Na casa de apoio é uma média de 80 copos de leite servidos por dia, somando um total de 2.400 copos de 200ml ao mês. “Uma alimentação bem feita e rica em nutrientes é capaz não só de controlar o aparecimento de sintomas durante tratamentos de quimioterapia e radioterapia, como também evitar alguns efeitos colaterais no tratamento, entre eles a queda da imunidade", relata a nutricionista.

Daniele, que também é terapeuta ocupacional, reforça que uma alimentação regrada e saudável fortalece a imunidade do paciente, fazendo com que ele receba o tratamento do início ao fim, sem precisar de interrupções. "Esse paciente precisa estar bem nutrido, bem alimentado. Esse leite, além de ser utilizado nos lanches, é também utilizado na casa de apoio que abriga pacientes que vêm do interior do Estado", relata. Hoje, são 45 abrigados. Os pacientes e familiares também recebem doações dos alimentos que são conseguidos pela associação.

Toda doação é bem-vinda e não um tipo específico de leite a ser doado. Conforme Daniele, tanto o líquido quanto em pó ajudam, a diferença é que o leite em pó tem maior validade e é mais fácil de armazenar.

Quem quiser doar, pode ir até a sede da Nossa Casa, que fica na rua Francisco Calaça, 1300 - Álvaro Weyne. A associação funciona de 8h até 17h, de segunda à sexta. Quem quiser optar pela doação via site, é só entrar em https://linktr.ee/Associacaonossacasa e destinar o valor desejado. Os valores serão revertidos na compra de alimentos.


> Serviço: 2.000 pacientes assistidos pela Associação Nossa Casa Precisam de Leite

Local: Associação Nossa Casa

Endereço: Rua Francisco Calaça – Álvaro Weyne, Fortaleza

Telefone (85) 3521-1537 / 9.99690-0550

Contato: Cecília Oliveira

Facebook: /associacaonossacasa

Instagram: @associacaonossacasa

E-mail: [email protected]

Site: https://linktr.ee/Associacaonossacasa

Sobre a Associação Nossa Casa


A Associação Nossa Casa de Apoio a Pessoas com Câncer tem por missão oferecer serviços humanizados e especializados em Assistência Social e Saúde às pessoas em tratamento oncológico e provenientes do Sistema Único de Saúde - SUS, e desenvolvendo ações de prevenção e informação junto à comunidade no estado do Ceará.

Fundada em 2004, é uma organização sem fins lucrativos, reconhecida de utilidade pública estadual e portadora da Certificação de Entidades Beneficentes de Assistência Social - CEBAS.

Todos os serviços oferecidos pela Associação são gratuitos e estão distribuídos em quatro programas: Acolhimento das pessoas em tratamento oncológico; Reinserção Social; Lazer e entretenimento, Educação em Saúde e Advocacy. Os serviços são oferecidos de acordo com os recursos disponíveis, pois a associação depende, exclusivamente, de doações e voluntariado.

Durante a hospedagem, os pacientes recebem atendimento multiprofissional (nutrição, fisioterapia, fonoaudiologia, serviço social, terapia ocupacional e psicologia), com 6 (seis) refeições diárias e a média de permanência é de 2 (dois) meses. Ainda são beneficiados 500 pacientes por mês somando atendidos nos demais programas da Nossa Casa, sendo importante citar o programa de suporte alimentar com doação de cestas básicas e a distribuição 2 lanches diários para pacientes carentes que aguardam o tratamento nas recepções de uma das unidades de saúde, próxima a Nossa Casa que realizam as sessões terapêuticas.

LEIA TAMBÉM | Serasa faz Feirão Limpa Nome na Praça do Ferreira, no Centro de Fortaleza