PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Incêndio atinge Parque do Cocó nesta segunda; veja vídeo

Guarnição de Bombeiros Militares do Mucuripe, com reforços de soldados do Comando Central, conseguiu controlar o incêndio por volta de 20 horas

Alan Magno
18:23 | 05/10/2020
Um dos registros do incêndio mostra cortina de fumaça cobrindo parte da vegetação do parque.  (Foto: Reprodução WhatsApp)
Um dos registros do incêndio mostra cortina de fumaça cobrindo parte da vegetação do parque. (Foto: Reprodução WhatsApp)

Um incêndio atingiu o Parque do Cocó, em Fortaleza, no final da tarde desta segunda-feira, 5. A fumaça começou a ser percebida por volta das 17h por moradores de área próxima à avenida Sebastião de Abreu, via que faz margem com os limites do parque. Fogo foi controlado cerca de quatro horas depois. Gerenciando a ocorrência, o coronel Nildson de Oliveira destacou ao O POVO que a situação no local foi controlada por volta de 20 horas.

Segundo o coronel, não houve risco do fogo se alastrar para regiões de moradia, e as chances dele se expandir dentro dos limites foram reduzidas pela atuação rápida do Corpo de Bombeiros. Após três horas de atuação dos soldados em terra, foi utilizado um helicóptero da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) para sobrevoar a área e identificar os focos ainda existentes na região. 

Por meio do reconhecimento aéreo, da qual Nildson fez parte, foi possível contatar que as chamas estavam sob controle da corporação. Apesar da situação estável, o bombeiro pontuou que parte da equipe iria permanecer no local por mais algumas horas de modo a garantir que novos focos de incêndio não viessem a surgir.

Ainda não há informações sobre as origens do incêndio, nem uma estimativa sobre do tamanho da área degrada pelo fogo. O coronel destacou quem uma "análise mais balizada" realizada pelo próprio Corpo de Bombeiros deverá apontar como as chamas tiveram início. 

Nildson pontuou que as condições climáticas de calor intenso, ventos fortes e baixa umidade contribuem para uma vegetação seca e são "uma química adequada ao fogo". Apesar de ter citado a possibilidade de incêndio espontâneo, o coronel não descartou a hipótese de o incêndio ter sido fruto da ação humana, tenha sido ela intencional ou não. 

Em um dos registros feitos por leitores do O POVO, é possível observar que a cortina de fumaça criada pelo incêndio cobriu grande parte da vegetação do Parque. De acordo com informações do Corpo de Bombeiros Militar do Ceará, a guarnição do Mucuripe foi enviada ao local para combates as chamas. Como reforço no atendimento da ocorrência, combatentes do quartel do Comando Central dos bombeiros foram enviados ao local.  

VEJA VÍDEO DA OCORRÊNCIA



Colaborou Everton Lacerda, especial para O POVO