PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Tubarão lixa é visto nadando na praia do Náutico; espécie não é perigosa para humanos

Bióloga marinha explica que a espécie se alimenta de caranguejos e moluscos, e geralmente não é visto perto da orla por fugir dos humanos

Catalina Leite
14:30 | 23/06/2020
Tubarão lixa foi visto nas proximidades do espigão no Náutico (Foto: REPRODUÇÃO)
Tubarão lixa foi visto nas proximidades do espigão no Náutico (Foto: REPRODUÇÃO)

Enquanto Fortaleza está proibida de frequentar espaços públicos como praias, um tubarão lixa aproveitou para sair do próprio isolamento e dar um passeio nas proximidades do espigão da praia do Náutico. As imagens do animal foram gravadas por pessoas que frequentavam o local, apesar do decreto de isolamento social - no plano de fundo do vídeo, é possível ver banhistas tomando sol.

De acordo com a bióloga marinha Sandra Beltrán Pedreros, o tubarão lixa (Ginglymostoma cirratum) é morador do fundo de águas litorâneas e presente no Ceará. Ele se alimenta de caranguejos e moluscos e não representa perigo para os humanos. Na verdade, o costume deles é fugir da movimentação humana nas praias, razão pela qual são raramente avistados.

Entretanto, com a calmaria consequente das medidas de isolamento social, alguns viram a oportunidade de comer moluscos incrustados nas rochas dos espigões do Náutico. “Eles permanecem muito mais nos fundos [do mar], ele é mais quietinho”, descreve Sandra. “Eles ficam com medo, literalmente. Quando tem muita gente, muitas embarcações e muito barulho, eles vão tender a ficar mais longe das praias.”

Outro fator também os torna menos perigosos para os humanos: os dentes deles são pequenos, adaptados para comer moluscos. Nada parecido com as fileiras de dentes de tubarões brancos, a espécie mais conhecida e representada em filmes como mortal.

Distância segura

Apesar disso, a bióloga marinha alerta para sempre manter distância segura dos animais. Eles costumam fugir, mas caso se sintam ameaçados irão se defender e podem morder os humanos. A mordida não será forte suficiente para arrancar um pedaço do corpo, mas ela pode machucar. Afinal, tubarões lixa podem medir até quatro metros e os dentes, apesar de pequenos, são bem pontiagudos.

O POVO recebeu outros dois relatos de avistamento de tubarões em praias cearenses, uma delas identificada na Praia do Futuro. Veja vídeo do tubarão lixa no Náutico: