PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Doze mulheres são mortas em 18 dias no Ceará; Estado registra 234 homicídios no mesmo período

Crimes Violentos Letais Intensicionais chegam a 234 casos

15:55 | 22/04/2020

O Boletim da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), que segue com os casos de Crimes Violentos Letais Intensionais (CVLIs) do Ceará, registrou entre o dia 1º ao 18 de abril 234 crimes violentos. Os CVLI fazem referência a homicídios, latrocínios (roubo seguido de morte) e feminicídio. Os dados não são consolidados.

Destes, 12 casos são com vítimas do gênero feminino. Entre os casos, Leila Tatiana de Souza Silva, de 35 anos, morta em Limoeiro do Norte, Ana Alice Dias de Sousa, 17 anos, vítima de feminicídio por arma de fogo em Sobral, Fabiana Souza de Lima, de 28 anos, morta por arma branca em Aquiraz, Roberta Ariela da Silva Holanda, de 37 anos, morta em Maracanaú. Mirian Arruda da Silva, de 72 anos, morta por arma de fogo, em Fortaleza. Crime contra Mirian foi registrado na comunidade do Lagamar no dia 6 de abril.

Além dela, Daiane Kelvia Marques, de 35 anos, foi morta no dia seguinte, na cidade de Marco, por arma de fogo. Ana Jessica Frutuozo do Nacimento, de 16 anos, foi morta em Fortaleza no dia 8, também foi utilizada arma de fogo no crime. Crisitana Maria Barbosa de Andrade, de 42 anos, foi morta em Fortaleza, crime que aconteceu no dia 9 de abril.

Karoline da Silva Martins, de 21 anos, foi morta no dia 10, por arma de fogo. Erlandia Barros Morais Mendes, de 26 anos, foi morta em Fortaleza no dia 16. Maria Ruth Braga de Sousa, de 25 anos, foi morta no Trairi. Maria Luciana Martins de Carvalho, 41, foi morta em São Gonçalo do Amarante. Maria das Graças Pereira da Costa, 61.