PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Ceará não possui sala de Estado Maior para presos especiais, denuncia OAB-CE

Jéssika Sisnando
08:07 | 15/01/2020

O estado do Ceará não possui uma sala de Estado Maior para presos especiais. A informação é do presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-CE), Erinaldo Dantas.


Conforme o presidente da entidade, no quartel do Corpo de Bombeiros existe um improviso, que funciona quando há prisão de "algum vereador", por exemplo. O lugar não possui estrutura para receber uma quantidade maior de pessoas.

O presidente da OAB afirma que não existe a sala do Estado Maior no Ceará e que a advogada Elisângela Mororó, que está presa no Instituto Penal Auri Moura Costa, em Aquiraz, onde foi espancada. Ele afirma que a advogada estava grávida e que perdeu a criança devido a violência sofrida na unidade prisional.

Conforme o presidente da OAB-CE, a lei é clara e, na impossibilidade de uma sala do Estado Maior, existe a necessidade de decretar a prisão domiciliar. Erinaldo Dantas afirma que Elisângela está presa no Auri Moura Costa em virtude de uma determinação judicial, mesmo sendo vítima de um espancamento e após perder um bebê.