PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Em menos de 24 horas, cachorrinha artista já soma mais de 19 mil seguidores em nova conta

O perfil de Jaspe e seu dono, Yorge Luís, era seguido por quase 90 mil pessoas e foi hackeado nesse domingo, 23

10:34 | 24/06/2019
Yorge Luis Ruiz trabalha na Praça do Ferreira junto com sua cadelinha, Jaspe Esmeralda
Yorge Luis Ruiz trabalha na Praça do Ferreira junto com sua cadelinha, Jaspe Esmeralda(Foto: Tatiana Fortes/ O POVO)

Sucesso nas redes sociais, o artista de rua Yorge Luís Ruiz e sua cadelinha Jaspe Esmeralda tiveram sua conta no Instagram hackeada nesse domingo, 23. Em algumas horas, as fotos e vídeos da dupla foram apagados. Os dois encantam o público ao se apresentarem como estátuas vivas no Centro de Fortaleza.

Na rede social, Ruiz compartilhava um pouco do seu dia a dia e tinha diversas postagens interagindo com os quase 90 mil admiradores. Abalado pela perda do perfil anterior, o artista criou o perfil @cachorrinhaartistaofficial ainda nesse domingo. Na rede, ele dividiu sua tristeza, mas mantendo a esperança de que “coisas melhores” acontecerão.

A esposa do artista, Yorgelys Aular, conta que a família ficou muito triste. “Nunca imaginamos que aconteceria alguma coisa assim, mas vai dar tudo certo.” Nessa segunda-feira, Ruiz e a cadelinha estão viajando para São Paulo onde participarão de um programa televisivo.

Enquanto isso, os fãs estão mobilizados na divulgação da nova conta, que até o momento da publicação desta matéria soma mais de 19 mil seguidores. Com todo o apoio que estão recebendo, Yorgelys mostra-se alegre e espera “que os novos seguidores que vierem sejam de bom coração”. “A gente tem que ser grato por tudo e, mesmo que coisas ruins aconteçam, deve seguir”, completa.

A história da dupla de artistas

O venezuelano deixou seu país de origem em 2014 e abandonou a Engenharia em busca de vida melhor no Brasil. Lá ele e a esposa já trabalhavam como artistas de rua, mas sem a cachorrinha. Jaspe entrou na família em 2015, quando estavam em Manaus, e aos poucos se adaptou à vida de artista.

Morando em um quitinete, os donos perceberam a tristeza da cadela de ficar sozinha em casa enquanto trabalhavam. Assim, Ruiz passou a levá-la consigo pelas ruas e ela naturalmente aprendeu a ser estátua. Depois de chegarem a Fortaleza, Yorge e a Jaspe são atração esperada por fortalezenses e turistas que vão à Praça do Ferreira, tornando-se símbolo do local.

Marcela Tosi/Especial para O POVO