CGD instaura procedimento por tiroteio no Conjunto Ceará após eleiçõesNotícias de Fortaleza 

PUBLICIDADE
Notícias


CGD instaura procedimento por tiroteio no Conjunto Ceará após eleições

Ao menos quatro viaturas estiveram no local. Profissional de segurança estaria envolvido

17:50 | 09/11/2018

A Controladoria Geral de Disciplina e dos Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenciário (CGD) instaurou procedimento disciplinar após tiroteio em um bar no Conjunto Ceará. O caso foi registrado no domingo, 28 de outubro, após o resultado das eleições presidenciais no 2º turno. O barulho dos tiros, ouvidos por volta da meia-noite, assustou quem aproveitava os bares e restaurantes do bairro.

Conforme uma fonte ligada à Polícia Militar, os tiros foram efetuados na área externa de um pub. Grupo de amigos discutia na esquina próxima ao bar. Um rapaz pedia para entrar no carro e pegar uma arma de fogo, os amigos impediam e um dos colegas entrou no carro e foi embora com o veículo para impedir o início de novos disparos.

Pelo menos quatro viaturas estiveram no local e alguns clientes se dispersaram. Há registro de ocorrência na Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops), que descreve o caso como disparo de arma de fogo.

[SAIBAMAIS]O POVO Online apurou com a fonte que havia um agente de segurança no bar, de folga, e que, após uma discussão, ele foi agredido. Em retaliação à agressão, o homem teria efetuado disparos. Após oito dias, o caso ainda não foi esclarecido.

A Polícia Civil informou que o caso foi registrado no 12º Distrito Policial e encaminhado a CGD. A CGD, por sua vez, informou, por meio de nota,  sobre a determinação para a instauração de procedimento disciplinar para a devida apuração dos fatos na seara administrativa. 

 

Redação O POVO Online 

TAGS