PUBLICIDADE
Fortaleza
nesta quinta

Incêndio de média proporção é registrado em terreno no Montese

O Corpo de Bombeiros enviou dez agentes e duas viaturas para o local

19:38 | 09/08/2018
Foto: Julio Caesar/O POVO
Um incêndio de média proporção ocorreu no fim da tarde desta quinta-feira, 9, em um terreno no bairro Montese, em Fortaleza. Informações do Corpo de Bombeiro e de moradores dão conta de que no local existe formação de lixão a céu aberto. Eles dizem ainda que pessoas atearam fogo para diminuir o acúmulo e que essa ação é frequente.

No espaço entre as ruas Edmundo Linhares e Mimosa, a estreita rua Boa Noite tem de um lado casas e do outro um muro baixo, grafitado com a frase “Ecoplaneta - Preserve a natureza”. Por cima desta parede, no entanto, pessoas de “outros lugares do bairro” jogam lixo doméstico com frequência, de acordo com moradores.
 
Foto: Julio Caesar/O POVO
 
“Para reduzir o acúmulo, acontecem queimadas com certa frequência, por aqui”, informou um homem, que não quis se identificar. Segundo o tenente Júnior, do Quartel Central dos Bombeiros, o fogo se espalhou rapidamente por causa dos resíduos. “Daí nosso trabalho foi o de diminuir as chamas para que elas não atingissem as casas”, disse, informando que a equipe foi acionada por volta das 17 horas.
 
Veja o vídeo 
 
Responsável pela operação, ele comandou outros dez bombeiros, que se dividem entre as guarnições Central e do Conjunto Ceará. “Única coisa que podemos pedir é para que as pessoas aguardem pela coleta seletiva do lixo. Além do fogo e da fumaça, o acúmulo de lixo pode atrair animais que só trazem doenças para a própria população”, observa.

Também pedindo para não ser identificada, outra moradora disse que pessoas de outras ruas vão até lá, para “jogar lixo por cima do muro”. “Por causa do lixo, aqui tem muito rato, barata, escorpião e até mesmo cobra. Mas quando eles vêm aqui a gente não pode fazer nada. O que a gente poderia falar, afinal?”, questiona.

Ela informou ao O POVO Online ainda que existe coleta seletiva no local “todas as terças, quintas e sábados, mas ninguém respeita”. “Tem dias que aqui fede tanto que não dá para aguentar”, afirma.
 
Confira abaixo galeria de fotos
Clique na imagem para abrir a galeria Foto: Júlio Caesar/O POVO
Incêndio no Montese

WANDERSON TRINDADE