PUBLICIDADE
Notícias

PMs se unem e alugam casa para soldado baleado durante abordagem

O policial natural do Rio Grande do Norte veio morar em Fortaleza com a esposa e quatro filhos após passar em concurso

19:40 | 24/06/2018

Um soldado da Polícia Militar do Ceará (PMCE), de nome preservado, foi baleado no fêmur durante uma abordagem policial, no dia 18 deste mês. Ao se deparar com o caso do policial, que havia entrado na PMCE há cerca dois meses e estava morando com a mulher e os quatro filhos em uma área de risco, outros militares da área do Pirambu se solidarizaram e alugaram uma nova residência para ele ir morar após receber alta.

De acordo com o comandante da área, major Lima, o policial ingressou na corporação no mês de abril deste ano. Ele é natural do Rio Grande do Norte e quando passou no concurso trouxe a esposa e os quatro filhos, que têm entre um e cinco anos de idade. Os policiais informaram que o soldado vivia em uma casa humilde dentro de uma comunidade do Mondubim, em Fortaleza.

A família dormia em um colchão no chão, pois não possuía cama. Em solidariedade ao colega, os policiais do 20º Batalhão da Polícia Militar, entre praças e oficiais, alugaram uma residência para o soldado no bairro Cristo Redentor e compraram duas camas modelo Box para o militar e sua família.

O policial chegou a ser internado no Instituto Doutor José Frota (IJF), Centro, e em seguida transferido a uma outra unidade hospitalar. Ele fraturou o fêmur e teve que passar por cirurgia. Em recuperação, o soldado seguiu para a nova casa com a família. Os colegas de farda ainda contribuíram com cestas básicas e fraldas. 

 

O POVO Online opta por não divulgar nome ou fotografia do policial em virtude dele ser uma vítima que sobreviveu a uma ação de violência.   

 

De acordo com o relações públicas da PM, coronel Andrade Mendonça, a ação solidária tinha o intuito de ajudar o policial que está afastado das funções. "A ação consiste na ajuda financeira e donativos. Constantemente a gente tem feito esse tipo de ações, mas não tem divulgado nas redes sociais", explica. 

 

O caso 

 

No dia 18, no bairro Padre Andrade, o miliar foi atingido e fraturou o fêmur durante uma abordagem policial em uma área conhecida como Beco dos Cavalos, no Padre Andrade. Ele passou por cirurgia e chegou na nova casa nesta semana, onde foi recebido pelos colegas.

TAGS