PUBLICIDADE
Fortaleza
Estrangeiros em presídios

Embaixada dos EUA está preocupada com situação das facções no Ceará

Um encontro com o Copen foi marcado para discutir a situação dos presos estrangeiros que estão em unidades que concentram facções criminosas

16:57 | 02/03/2018
A Embaixada dos EUA está preocupada com a situação das facções criminosas no estado do Ceará. O Ministro da Embaixada dos EUA em Brasília, Doug Koneff, marcou uma reunião com o presidente do Conselho Penitenciário do Estado do Ceará, Cláudio Justa.

A preocupação é relacionada a um detento americano que está na CPPL 3. Em um documento obtido pelo O POVO Online, a embaixada vai discutir o impacto das facções nos presídios do Ceará, mais especificamente relacionadas aos estrangeiros que estão no sistema prisional.

O encontro deve acontecer no próximo dia 12, entre o Ministro da embaixada e o presidente do Copen.

JéSSIKA SISNANDO