PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Inquérito que apura morte de Stefhani segue em caráter de urgência para a Delegacia da Mulher

Delegado George Monteiro disse que o caso segue para a DDM, pois existe suspeita contra o ex-companheiro

14:23 | 03/01/2018

O inquérito que apura a morte de Stefhani Brito, de 22 anos, foi encaminhado à Delegacia da Defesa da Mulher (DDMD), nesta quarta-feira, 3, em caráter de urgência. A informação é do diretor adjunto da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), George Monteiro. Stefhani foi morta no dia 1º de janeiro e o autor do crime transitou pelo Mondubim com a vítima morta, na garupa da motocicleta.

O delegado George informou nesta quarta que o caso segue para a DDM, pois existe a suspeita de autoria para o ex-companheiro da vítima. O POVO Online apurou que a Polícia esteve no local do crime após ser acionada acerca do achado de cadáver e que no dia seguinte colheu imagens de circuito de segurança. Segundo amigos da família, corpo de Stefhani foi velado na última terça-feira, 3, em uma funerária localizada na Avenida Osório de Paiva.

O sepultamento dela aconteceu no período da tarde, no Cemitério Parque da Saudade, em Caucaia. Os amigos relatam que o estado de Stefhani causou comoção e revolta. Ela estava com muitos machucados na cabeça, cortes e com os dedos e mãos perfurados.

O POVO Online

Jéssika Sisnando

TAGS