Como voltar para casa após a festa de RéveillonNotícias de Fortaleza
PUBLICIDADE
Notícias


Como voltar para casa após a festa de Réveillon

Ônibus, táxis e aplicativos estão entre as opções escolhidas pelas pessoas que irão retornar da festa no Aterro

17:30 | 30/12/2017
Após show pirotécnico de fogos e atrações da festa de Réveillon da Praia de Iracema, uma das preocupações das pessoas que optarem passar a virada do ano no local é a volta para casa. Para suprir a demanda, principalmente das pessoas que moram em bairro mais distantes, frotas de ônibus e de táxi serão reforçadas no local. Além disso, os aplicativos também podem ser uma saída para a volta pra casa tranquila. 

Esperar o novo ano na Praia de Iracema já é um ritual seguido há  sete anos por Sara Sousa, 27, e os amigos. Atualmente, ela mora no bairro Bela Vista e conta que a forma de voltar para casa depende do horário da volta. “Quando queremos voltar um pouco mais cedo, por volta das 3 horas, dividimos o preço do táxi. Outra opção é esperar amanhecer e pegar um ônibus um pouco mais vago. Às vezes levo biquini e só vou depois de um mergulho na praia”, explica.

Para ter uma volta um pouco mais tranquila, o estudante de biologia Rafael Ramos, 26, conta que ao longo dos 11 anos que curte a festa no Aterro optou por alugar uma van para o grupo de amigos. “Aí marcávamos o horário da volta e nos encaminhávamos até um ponto um pouco mais afastado para evitar estacionamento”. No entanto, desta vez, por estar com outro grupo menor, a ideia é voltar usando aplicativos como Uber ou 99.

De ônibus, a pé, de táxi, ou pelo aplicativo, o ideal é planejar a melhor maneira de voltar para casa se adequando à cada necessidade.

Opções para voltar para casa

Ônibus - Sete linhas serão criadas para fazer a ligação expressa entre os sete terminais de integração e o aterro da Praia de Iracema. Nos terminais, haverá o acréscimo de 115 ônibus reservas que estarão disponíveis das 18h de amanhã, 31, até 6h do dia 1º. A região do evento é atendida por 20 linhas regulares.
Devido ao desvio nas proximidades da festa a partir de 17h, os pontos de parada da Av. Abolição serão desativados temporariamente. Os itinerários das linhas no local realizarão o embarque e desembarque na rua Ten. Benévolo e na rua Pereira Filgueiras, no sentido leste/oeste e oeste/leste respectivamente.
 
Táxi - De acordo com Vicente de Paula Oliveira, presidente do Sindicato dos Taxistas, cerca de 3 mil táxis estarão circulando pelo local durante o período da festa. Os valores não serão alterados e os preços devem ser cobrados conforme o taxímetro. Ele afirma ainda que o aplicativo do Sindtáxi estará funcionando.  “É importante que o passageiro decore os seis números na lateral do veículo para denunciar qualquer irregularidade como preço diferenciado, taxistas que se recusarem a pegar a viagem porque é próximo, entre outros”, afirma. Seis agentes da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) estarão em uma fiscalização volante especificamente para táxis nos principais pontos próximos ao aterro. 
Denúncias devem ser feitas à ouvidoria da Etufor: 3252 9292
 
Aplicativos - Muitas pessoas podem optar por usar transporte por aplicativo como Uber e 99Pop. Por meio de nota a Uber informou que o aplicativo também estará funcionando normalmente. “Como se trata de uma região com maior fluxo nessa noite, é natural que os motoristas parceiros se dirijam até a área em busca de viagens”. Questionados sobre a tarifa dinâmica, eles informaram que dependerá do movimento na hora do evento. O POVO entrou em contato com a 99, mas as ligações não foram atendidas. Denúncias também podem ser feitas por meio dos aplicativos.
 
Carro - A ideia neste dia é usar o transporte coletivo, ainda assim, quem utilizar os carros  poderá usar o bolsão de estacionamento gratuito no Riomar Fortaleza no Papicu. Os usuários deixam seus veículos e podem pegar o ônibus gratuitamente direto para o aterro da Praia de Iracema. A partir de 18h, o estacionamento estará livre, e os ônibus começam as viagens em direção à festa, de acordo com a demanda. O local de embarque e desembarque será a Av. Rui Barbosa esquina com Dep. Moreira da Rocha.
 
Além disso, para auxiliar o tráfego, agentes de trânsito permanecerão distribuídos no local da festa para orientar o fluxo de veículos. A previsão é que o desbloqueio das vias aconteça às 6h do dia primeiro de janeiro de 2018.
 
Caminhando - Para as pessoas que moram mais próximo ao local, o ideal é ir caminhando até o Aterro. Além de evitar blitzes, economiza na hora da volta. De acordo com a Polícia Militar, haverá um efetivo de 869 policiais militares para fazer a segurança do evento no Aterro. Além disso, o órgão vai instalar ainda dez torres de observação elevada, terá uma base móvel para registrar boletim de ocorrências.
 
Redação O POVO Online 
TAGS