PUBLICIDADE
Notícias

Em dois meses, 3 mil óculos falsos foram apreendidos no Centro

Os policias foram aos locais depois de terem recebido denúncias anônimas

17:30 | 20/11/2017

Durante duas operações realizadas em outubro e novembro no Centro de Forteleza, a Polícia Civil apreendeu aproximadamente 3 mil óculos de sol e de grau. O material apreendido representa risco à saúde dos usuários. Teste feito pela Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce), com uma luz parecida à emitida pelo Sol, mostra que as lentes dos produtos piratas não interceptam os raios prejudiciais à vista.

O perito criminal Lauro Ferreira diz que quando se compra um óculos falsificado, é possível sofrer complicações na visão. O delegado titular da Delegacia do Centro, Romério Almeida, informa que os produtos apreendidos eram comercializados nas ruas e também dentro de lojas.

As operações foram montadas a partir de denúncias anônimas. Em alguns casos, os óculos eram vendidos em comércios que usavam a venda de roupas como fachada. A oftamologista Verbana Matos também alerta sobre os riscos de usar óculos falsificados, pois não protegem contra os raios ultavioletas. A profissional explica que a pupila se abre e os raios ultavioletas penetram mais, gerando cataratas e lesões que podem levar até a cegueira.

 

Redação O POVO Online

TAGS