PUBLICIDADE
Notícias

Governo realiza aula inaugural de curso de capacitação para 1.400 PMs

Policiais fazem parte da segunda turma de 4.200 pessoas aprovadas no concurso de 2016. Aula inaugural contou com a presença do governador Camilo Santana e do secretário da Segurança, André Costa

17:04 | 21/07/2017
Mil e quatrocentos policiais militares estão enfileirados no Centro de Eventos do Ceará
Mil e quatrocentos policiais militares estão enfileirados no Centro de Eventos do Ceará
[FOTO1] 
Sentados em fila no Salão Almofala do Centro de Eventos do Ceará, 1.400 aprovados no concurso da Polícia Militar assistiram à aula inaugural da 2ª turma do Curso de Formação Profissional para a Carreira de Praças da Polícia Militar, nesta manhã. Os presentes ouviram a palestra ministrada pelo titular da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), André Costa, e as palavras de motivação do governador do Estado, Camilo Santana. A expectativa é que, em cinco meses, os novos policiais já atuem nas ruas do Ceará. Ao todo, foram aprovados no concurso 4.200 pessoas. 
 
“Quando eu fiz o concurso para preencher as 4.200 vagas seria até o fim do governo, mas eu decidi antecipar. A primeira turma já vai estar formada em agosto e eu já devo chamar a terceira turma”, afirmou o governador em coletiva após a aula inaugural. Camilo garantiu verba para a compra de uma arma para cada um dos aprovados, “para não haver a possibilidade de dois PMs dividirem o mesmo armamento”. As classes da segunda turma começaram nesta sexta-feira, 21, e o curso é promovido pela Academia Estadual de Segurança Pública do Ceará (AESP/CE), com duração de cinco meses.
 
O secretário André Costa garantiu que os novos PMs devem receber a capacitação necessária para a atuação nas ruas de todo o Ceará. “Temos uma grande missão. Vamos encontrar pessoas no pior momento da vida delas. E temos que saber como agir, para fazer a diferença na existência dessas pessoas”, palestrou Costa, seguido de aplausos pelo público.
 
O curso de formação profissional é a terceira etapa da seleção. Inclui avaliação de capacidade física, investigação social e outras provas de caráter eliminatório. O treinamento tem uma carga-horária de 1.020 horas/aulas e, neste período, os alunos participam de aulas teóricas e práticas de diversas áreas como: sociedade, ética e cidadania; tiro policial defensivo; direitos humanos; polícia comunitária; gestão de conflitos e eventos críticos. 
 
Além disso, recebem treinamento em defesa pessoal; técnica policial militar; atendimento em emergências médicas e direção veicular aplicada à atividade policial militar, entre outros conhecimentos que preparam o novo soldado para o policiamento ostensivo e preventivo das ruas.
 
Mulheres e filhos dos aprovados também estavam na aula inaugural. Leidiana de Carvalho, 31, não hesitou em levar a filha Isabela Sofia, de apenas um mês, para a aula inaugural do pai, David Santiago Holanda. “Aqui é o sonho dele e ele conseguiu. Estamos muito felizes”, finaliza a mulher.
 
Cidadão
[FOTO2]
Anderson Goiano, 23, radiologista
Realização de um sonho
Formado em Radiologia, Anderson diz que é um sonho realizado ser convocado para fazer parte da Polícia Militar. Ele mora na Jacarecanga e espera poder ficar em Fortaleza. “Vou me dedicar ao máximo no curso. Eu tenho a missão de ser policial”, aponta.
 
Redação O POVO Online 

TAGS