PUBLICIDADE
Fortaleza
VILA VELHA

Criminosos voltam a incendiar ônibus em Fortaleza

Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Fortaleza (Sindiônibus) informou que o serviço de transporte coletivo vai continuar normalmente

09:40 | 20/04/2017

Bombeiros tentam controlar chamas de ônibus incendiado (Foto: Fabio Lima/O POVO)
 

Atualizado às 15h20min

Cinco ônibus foram incendiados nos bairros Vila Velha, Castelo Encantado, Padre Andrade, Arvoredo e no Canindezinho, na manhã desta quinta-feira, 20. Apesar dos ataques, o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Fortaleza (Sindiônibus) informou que o serviço de transporte coletivo vai continuar normalmente. Na tarde desta quarta, 21 veículos foram atacados na Grande Fortaleza, sob ordens vindas de dentro de presídios.

No Vila Velha, o ataque ocorreu por volta das 8h30min contra o ônibus da linha 221 - Vila Velha/Riomar Kennedy. Por volta das 9h30min, criminosos incendiaram um coletivo da linha 907 - Castelo Encantado/Centro. Houve ainda ataques contra um veículo que faz a linha 206 - Padre Andrade/Antônio Bezerra, no bairro Padre Andrade, e outro coletivo no bairro Arvoredo.


Um ônibus da linha 346 - Jardim Fluminense também foi incendiado por volta das 11h em frente à escola municipal Jornalista Demócrito Dummar, na rua Euclides Paulino Barroso, no Canindezinho. Cobrador teve queimadura de 3º grau e está internado em uma unidade de saúde.

Ônibus incendiado no Castelo Encantado

Os ataques começaram após transferência de 360 presos na Casa de Privação Provisória de Liberdade Professor Clodoaldo Pinto (CPPL II), em Itaitinga, e na Unidade Prisional Adalberto Barros de Oliveira Leal, conhecida como Carrapicho, em Caucaia. Segundo a secretária da Justiça e Cidadania, Socorro França, elas ocorreram a pedido dos próprios presos.


Na Capital, 12 coletivos foram incendiados total ou parcialmente. Foi ateado fogo também em ônibus em Maracanaú, Eusébio, Horizonte e Pacajus. Dois carros da Cagece e um da Enel também foram incendiados. Um segundo carro da Enel foi alvejado. Veículo do Departamento de Trânsito de Caucaia também foi incendiado.

Prisões

A Polícia prendeu oito pessoas suspeitas de envolvimento nos ataques a veículos e prédios em Fortaleza e na Região Metropolitana. As ações criminosas tiveram início nesta quarta-feira, 20. As investigaões estão a cargo da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), com o apoio do Departamento de Inteligência Policial (DIP), da Polícia Civil do Estado do Ceará.

Ataques a delegacias e agências bancárias


Foram confirmados ataques a três delegacias e duas agências bancárias em Fortaleza e Região Metropolitana, da noite de quarta-feira, 19, para a madrugada desta quinta. Criminosos atacaram o 8º Distrito Policial (DP), no bairro José Walter, em Fortaleza; o 33º DP, na Goiabeiras, na Capital; e o 29º DP, no bairro Pajuçara, em Maracanaú. A Caixa Econômica Federal (CEF), situada em Maracanaú, e o Banco do Bradesco, localizado no Vila Velha, foram alvejados.

Clique na imagem para abrir a galeria Ataques foram registrados nos bairros Vila Velha, Castelo Encantado, Padre Andrade, Arvoredo e no Canindezinho (Foto: Fabio Lima/O POVO)
Veja fotos dos ônibus incendiados em Fortaleza nesta quinta