PUBLICIDADE
Notícias

Colégio da Polícia Militar cancela atividades nesta sexta-feira

Segundo docente da escola, há 20 anos a instituição não cancela suas atividades. A decisão foi discutida e aprovada na última quarta-feira, 26

20:21 | 27/04/2017
NULL
NULL

[FOTO1] 

Mais uma instituição de ensino em Fortaleza anunciou que vai parar suas atividades nesta sexta-feira, 28, por conta da greve geral contra as reformas Previdenciária e Trabalhista. Diversas categorias se uniram às centrais sindicais. Confira quais outros colégios aderiram à mobilização.

O Colégio da Polícia Militar General Edgard Facó suspendará seus planos de aulas e projetos das turmas de Ensino Fundamental I e Ensino Médio, de acordo com o professor Ricardo Andrade, docente da área de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias da escola e funcionário da instituição desde a sua fundação, em 1997. A decisão foi discutida e aprovada na última quarta-feira, 26.

“Há 20 anos não temos uma paralisação. Não podemos deixar de parar. As reformas da Previdência e Trabalhista são perversas com os trabalhadores brasileiros”, justificou. Conforme o profissional, o Colégio da Polícia Militar do Ceará é a única instituição militar de educação do estado que vai parar na greve geral.

Segundo afirmação do professor, os pais já receberam por escrito o comunicado sobre a paralisação das atividades da escola.

Redação O POVO Online

TAGS