PUBLICIDADE
Notícias

Estudante sofre tentativa de estupro em campus do IFCE

A universitária entrou sozinha no banheiro feminino da instituição, quando foi surpreendida por um homem que também entrou no local

21:10 | 12/12/2016

Uma estudante do Instituto Federal do Ceará (IFCE) sofreu uma tentativa de estupro, por volta das 15h desta segunda-feira, 12. A ação criminosa ocorreu dentro do banheiro feminino do primeiro andar do bloco central do campus de Fortaleza, localizado na avenida 13 de Maio, no bairro Benfica.

 

A universitária entrou sozinha no banheiro feminino da instituição, quando foi surpreendida por um homem que também entrou no local. De acordo com relato repassado por uma colega de curso da vítima, que preferiu se identificar apenas como Vitória, o homem pediu para a estudante ficar calada e foi a empurrando em direção a uma das cabines. Neste momento, ela teria começado a gritar, fazendo que o rapaz saísse "correndo" e "rindo" do sanitário.


O suspeito da ação conseguiu fugir da unidade de ensino. Segundo Vitória, a estudante vítima da tentativa de estupro procurou a direção do IFCE, que identificou as imagens do homem nas câmeras de segurança da instituição.


Procurado pelo O POVO Online, o IFCE informou que está tomando providências no sentido de reforçar a segurança dentro do campus, a fim de evitar a reincidência de ocorrências. As imagens do suspeito, flagrado pelas câmeras de seguraça do Instituto, serão enviadas às autoridades competentes.


"A equipe de servidores e a direção do campus estão solidárias à aluna, prestando a devida assistência à ela e orientando-a a tomar as providências legais", disse o IFCE em comunicado oficial.


De acordo com o IFCE, a instituição mantém grupos de vigilantes na segurança diária do campus e, em seu efetivo, há mulheres que fiscalizam os banheiros femininos em rondas periódicas assim como os demais setores da unidade.


"Por fim, a direção do campus reforça o compromisso com o zelo e o bem-estar da comunidade acadêmica e reitera que tomará as atitudes cabíveis em relação ao fato, com o intuito de que ocorrências como essas não voltem a acontecer", completou o Instituto.

 

Segurança
Diante da ocorrência de tentativa de estupro, estudantes do IFCE se manifestaram nas redes sociais sobre a segurança da instituição. Os alunos fizeram críticas à segurança na unidade. Entre as reclamações, o fato de que as catracas do Instituto não estão funcionando, comprometendo o controle de entrada e saída do local.


Segundo o IFCE, as catracas estão passando por manutenção, após uma pane nos aparelhos na semana passada. A Instituição ressalta que esse não é o único mecanismo de segurança e cita que também conta com o patrulhamento de vigilantes e o sistema de monitoramento eletrônico.

Sindicato
Por meio de nota, o Sindicato dos Servidores do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (SINDSIFCE) manifestou solidariedade à estudante vítima de tentativa de estupro. Destacou ainda que é preciso ampliar com a comunidade acadêmica o debate e as iniciativas de conscientização contra a cultura do estupro e de prevenção contra qualquer forma de violência sexual ou de gênero, machismo, assédio moral ou sexual.


"Os servidores reivindicam rapidez e rigor nas investigações sobre o caso, de modo a apurar a devida responsabilidade, para encaminhamento de providências pela Justiça, além de mais medidas de prevenção a casos do tipo e de garantia da segurança, da integridade física e das plenas condições de trabalho e estudo nos espaços do Instituto - em Fortaleza e nos diversos campi em todas as regiões do Ceará. Espaços com diferentes realidades, em que por vezes essa situação é ainda mais desafiadora, dada as condições de pessoal e infraestrutura", comunicou o Sindicato.

 

TAGS