PUBLICIDADE
Notícias

Mais de 60 mil notificações de dengue em 2016

Foram 16.383 confirmações e 42 mil casos prováveis, quando há confirmação clínica da doença.

17:06 | 24/06/2016

Em 2016, o Ceará notificou 60.686 ocorrências de dengue, com 16.383 confirmações e 42 mil casos prováveis. Cinquenta e seis municípios registraram mais de 100 casos prováveis, quando os sinais da doença são confirmados de forma clínica. Os números divulgados pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesa), hoje, dão conta de que oito óbitos foram confirmados e 40 estão na condição de suspeitos. 
 
 
Os casos suspeitos de dengue são caracterizados por pessoas que tenham viajado nos últimos 14 dias para área onde esteja ocorrendo transmissão de dengue ou tenha a presença de Ae. Aegypti. É necessário que o paciente tenha febre, usualmente entre 2 e 7 dias, e apresente duas ou mais das seguintes manifestações: náuseas, vômitos, exantema, dores musculares, dores nas articulações, cefaléia, dor retro-orbital, manchas vermelhas no corpo, prova do laço positiva ou redução no número de leucócitos.
 
 
Os casos confirmados estão distribuídos em 145 dos 184 municípios cearenses e atinge em 21,7% os jovens entre 20 e 29 anos. Entre os óbitos, houve uma redução de 62% em relação ao mesmo período de 2015. A maior prevalência é do sorotipo DENV-1, presente em 96,5% das amostras sanguíneas positivas para a doença. Este tipo é capaz de causar grandes epidemias em curto prazo. 
 

 
 
Redação O POVO Online 

TAGS