PUBLICIDADE
Notícias

Cotam prende latrocida que fugiu de cadeia no Interior

No celular do suspeito foram encontradas mensagens que apontariam envolvimento dele no ataque ao banco de Morada Nova

22:55 | 06/06/2016
Cotam prende latrocina que fugiu de cadeia no Interior
O Comando Tático Motorizado (Cotam), do Batalhão de Choque (BPChoque) prendeu um homem foragido da cadeia Pública de Limoeiro do Norte e que responde na Justiça a um crime de latrocínio (roubo seguido de morte). A ação foi registrada nesta segunda-feira, 6.

 De acordo com o sargento Reginaldo Aguiar, o foragido José Rogério Moreira Colares Júnior, de 27 anos, vitimou um empresário do ramo de telefonia móvel no ano de 2010. O crime aconteceu em Limoeiro do Norte. Conforme o sargento, Reginaldo estava foragido há um mês e 15 dias. Ele fugiu com outros detentos e viajou ao município de Fortaleza, onde permaneceu na casa de uma amiga.

Os policiais do Cotam receberam denúncias sobre a localização do fugitivo, na Rua Alagoas, no bairro Demócrito Rocha. Os militares realizaram um levantamento e constataram a veracidade da denúncia. O homem foi preso e não tentou fugir. Ele apresentava documentos falsos. O homem foi encaminhado ao 11º DP (Panamericano), onde foi autuado por falsificação de documento público, artigo 297 do Código Penal Brasileiro (CPB).

Investigação de ataque a banco em Morada Nova
 
Conforme a composição da PM, o suspeito tem envolvimento com os suspeitos do ataque ao banco de Morada Nova. No celular de Reginaldo os policiais encontraram uma troca de mensagens dele com homens que foram presos pelo Comando Tático Rural (Cotar). "Algumas mensagens falando que ele ia resgatar os colegas e outras perguntando a situação. Ele falava com pessoas que foram presas pelo ataque", relata.

 Na operação do Cotar foram presas sete pessoas após um cerco no município de Ibicuitinga. Na última sexta-feira, 3, três pessoas foram presas. No dia seguinte, sábado, 4, o Cotar recebeu novas informações sobre suspeitos e prendeu mais quatro pessoas. Entre as pessoas um casal que atuou na ação fazendo o levantamento da agência bancária.

Foram presos André Rabelo da Silva, Francisca Taislane Gomes Carneiro, Guilherme do Nascimento Vieira, Francisco Denilson Lima da Silva, Lazaro Simeão da Silva, Bruno Araújo Cunha, Antônio Francisco Ribeiro. Os policias apreenderam cinco revólveres calibre 38, uma pistola 380, uma espingarda calibre 12, 15 munições calibre 12, sete calibre 380, carregador de pistola, dois celulares, dois veículos, sendo um HB20 e um Voyage, além de R$ 3.375.
TAGS