PUBLICIDADE
Notícias

Ciclofaixa no Passaré homenageia ciclista atropelado na José Bastos

O espaço terá o nome do cicloativista, importante figura das pedaladas semanais de Fortaleza que dedicou cerca de 50 anos de vida ao ciclismo. Ele morreu após ser atropelado por um ônibus

20:06 | 10/03/2016
NULL
NULL
O ciclista Vicente Veloso Neto, 67, o Xuxa, que morreu após ser atropelado por um ônibus na avenida José Bastos, será homenageado com a implantação da ciclofaixa da avenida Juscelino Kubitschek, no bairro Passaré. A inauguração do equipamento acontece neste domingo, 13. O espaço terá o nome do cicloativista, importante figura das pedaladas semanais de Fortaleza que dedicou cerca de 50 anos de vida ao ciclismo.

A ciclofaixa em homenagem ao Xuxa percorrerá a avenida Juscelino Kubitschek a partir do trecho que vai da avenida Perimetral até se conectar com a ciclovia implantada na avenida Alberto Craveiro, próximo da rotatória da Arena Castelão.
[SAIBAMAIS3]
A implantação do equipamento é resultado do projeto de lei do vereador Evaldo Lima (PCdoB), líder do chefe do executivo na Câmara Municipal de Fortaleza. Conforme o documento, com o novo espaço exclusivo para ciclistas na via, a cidade contará com 140,5 quilômetros de infraestruturas cicloviárias, sendo 80,5 quilômetros de ciclovias e 60 quilômetros de ciclofaixas.

Pedalada
Amigos de Xuxa, integrantes de grupos de pedaladas nos quais Vicente fazia parte, estão organizando um passeio em direção à ciclofaixa na avenida Juscelino Kubitschek, no dia da inauguração. A concentração ocorrerá na Central de Artesanato do Ceará (Ceart), na Praça Luíza Távora, por volta das 7h.

Segundo o corretor de empréstimos Rômulo Siqueira, ciclista que pedalava com Vicente, os ciclistas ficaram muito satisfeitos com a homenagem ao Xuxa, que trará benefícios as pessoas que pedalam na cidade.

"Esperamos a participação de muita gente, neste domingo, para a inauguração da ciclofaixa. Foi uma das melhores coisas para gente. É uma melhoria ao trânsito, respeito, era isso que a gente estava atrás", disse Rômulo. O ciclista relatou que a ideia inicial era nomear uma estação de bicicletas compartilhadas na cidade com o nome de Vicente.
TAGS