PUBLICIDADE
Notícias

Surfista cearense recupera movimentos e volta a surfar após trombose venosa

O ex-integrante do Circuito Mundial de Surfe (WCT) chegou a ficar com o lado esquerdo do corpo totalmente paralisado

17:27 | 09/02/2016
NULL
NULL

A comunidade do surfe comemorou o retorno do surfista Fabinho Silva, 43, ao mar da Praia do Titanzinho, neste domingo, 7, após cinco meses se recuperando de uma trombose venosa. O ex-integrante do Circuito Mundial de Surfe (WCT) chegou a ficar com o lado esquerdo do corpo totalmente paralisado. O cearense conseguiu recuperar todos os movimentos depois do tratamento com medicação e intensa fisioterapia.

Com a evolução do surfista, os médicos o liberaram para praticar o esporte, mas, por enquanto, somente com acompanhamento. O reencontro com as águas salgadas do Titanzinho foi emocionante para Fabinho. "Foi uma sensação muito boa, fiquei muito feliz em voltar a fazer o que amo. É um milagre voltar a surfar depois do que passei. Os médicos falaram que foi sorte, não tive sequelas, uma recuperação ótima", contou o ex-WCT.

À volta ao surfe de Fabinho ainda precisa ser controlada. Além do acompanhamento, os médicos também pediram para que ele não fizesse tanto esforço e maneirasse nas manobras mais radicais. Apesar do controle na radicalidade, o surfista efetuou algumas de suas manobras favoritas e arrancou o grito dos amigos e de admiradores.
[FOTO2]
"Mandei um aéreo reverse, peguei três tubos, mas fecharam. Acontece. Deu para fazer manobras do meu repertório. A galera quando me viu no mar ficou surpresa. Muita gente gritando a cada manobra", disse Fabinho.

Desde o início da trombose venosa, Fabinho teve o apoio dos amigos, que mobilizaram uma campanha para ajudá-lo. Recuperado, o surfista faz questão de agradecer a todos pela intensa mobilização. "Muita gente se mobilizou, só tenho a agradecer a todos que ajudaram de alguma forma, com orações por mim e financeiramente. Não sabia o quanto de amor a galera tinha por mim. O Rodrigo Gentil, o Wagner Asfó, o Raimundo Cavalcante, a Soraya Camargo e o Grilo, essas pessoas movimentaram o mundo todo nessa campanha", agradeceu.

[FOTO3]
Recuperação
Fabinho Silva deu entrada no Hospital Geral de Fortaleza (HGF), no início de setembro, após sofrer uma pancada na cabeça enquanto surfava na Praia do Titanzinho. O primeiro diagnóstico levantou a suspeita de um Acidente Vascular Cerebral (AVC) isquêmico. Depois foi constatado que ele sofrera uma trombose venosa.

O cearense ficou 20 dias internado. Foram dois meses de fisioterapia para recuperar os movimentos. Ele continua tomando três medicações: uma para a cabeça, uma para o sangue e uma para a pressão, segundo o surfista.

Carreira
O surfista Fabio Silva é um dos grandes nomes do surfe cearense. Ele viveu o auge da carreira nos anos 90, quando competiu no maior torneio do esporte, o WCT. O atleta já foi campeão cearense e brasileiro e conquistou o mundial do Isa World Surfing Games, em 2000, fazendo a dobradinha cearense com Tita Tavares, que faturou o torneio na categoria feminina.

O cearense competiu com os maiores nomes do esporte, inclusive, superando o ídolo mundial Kelly Slater em uma etapa na Austrália. Fabinho é um dos talentos criados na Praia do Titanzinho. O surfista vive na comunidade com sua mulher e seus três filhos.

TAGS