PUBLICIDADE
Notícias

Polícia apreende arsenal e evita homicídio

A Polícia apreendeu três revólveres calibres 38 e uma arma do tipo bereta calibre 6.35, além de várias munições de calibres diversos

19:26 | 25/02/2016
NULL
NULL

Foi realizada na quarta-feira, 24, uma ação da Polícia Militar do Estado Ceará no bairro Planalto Ayrton Senna - Área Integrada de Segurança 5 (AIS 5) de Fortaleza, que resultou na apreensão de um arsenal (grande quantidade de armas) e na captura de seis pessoas – dois deles adolescentes, de 15 e 16 anos. De acordo com o site da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o grupo pretendia praticar um homicídio. Ao todo, quatro armas de fogo foram apreendidas.

As seis pessoas capturadas foram: Alfredo Jardilino Pereira, 20 anos e Aldemir Pereira Barros Neto, 27 anos, que não possuíam antecedentes criminais; Joilson de Oliveira Silva, 28, o “Gordinho”, que responde por tráfico de drogas; Rafael Vasconcelos Santana, 26, que responde por tentativa de roubo, além dos dois jovens, que não foi divulgado se possuíam antecedentes criminais.

Segundo a SSPDS, a Polícia chegou até eles depois de receber uma denúncia relatando que os seis estariam reunidos em uma antiga garagem de ônibus que se localiza na Rua Antônio Barbosa, no bairro Mondubim. Depois disso, as composições do Comando de Policiamento Comunitário (CPCom) e do Batalhão de Policiamento de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (Raio) deram início às buscas que resultaram na captura do grupo.  

Apreensão

Em vistoria pelo local, a Polícia apreendeu três revólveres calibres 38 e uma arma do tipo bereta calibre 6.35, além de várias munições de calibres diversos. Após o flagrante, os dois adolescentes foram encaminhados à Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA), no bairro Presidente Kennedy, e os quatro homens foram encaminhados ao 30º Distrito Policial, no bairro Jangurussu, onde foram autuados em flagrante por porte ilegal de arma de fogo e associação criminosa.

A Polícia apurou que o sexteto tinha a intenção de assasinar um desafeto, em represália à morte do irmão de um dos detidos, que ocorreu na cidade de Aquiraz (AIS 9), a 32 quilômetros de Fortaleza.

Redação O POVO Online

TAGS